Aktuelle Themen

Cirurgia plástica - de São João – Conscientização e prevenção de queimaduras

A cirurgia reparadora representa papel fundamental no tratamento de queimados. O cirurgião plástico realiza desde pequenos curativos até tratamentos mais complexos como enxertos e transplantes de pele. A área de queimaduras é tão ampla e abrangente, que a SBCP possui um Capítulo totalmente dedicado ao aprofundamento do estudo de técnicas e tratamentos e sempre contempla o atendimento aos queimados nas ações humanitárias que realiza durante todo o ano, em diversas cidades do País. Ciente de seu fundamental papel científico e social a SBCP aproveita o Dia Nacional de Luta Contra Queimaduras, 06 de junho, e lança uma campanha em suas Redes Sociais para conscientizar a população dos perigos do uso inadequado de fontes de calor em períodos de festas juninas, com o apoio da Sociedade Brasileira de Queimaduras (SBQ), Associação Médica Brasileira (AMB), Sociedade Brasileira de Cirurgia de Mão (SBCM) e Fundação IDEAH. Dados apurados pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) entre 2009 e 2017 apontam aproximadamente cinco mil internações ocasionadas pelo manuseio incorreto de fogos de artifício. E o que é pior: muitas das vítimas de queimaduras, são crianças. Os festejos de São João podem representar perigo para quem descuida da segurança. Confira três dicas indispensáveis para evitar lesões ocasionadas por fontes de calor: Fogueiras devem ser acesas em local arejado e livre de rede elétrica; Fogos devem ser adquiridos em empreendimentos regulamentados; Mantenha crianças afastadas de atividades perigosas. A prevenção é fundamental. Compartilhe com os seus amigos. A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e todos os apoiadores desta campanha investem no desenvolvimento científico contínuo para a recuperação da funcionalidade e autoestima dos pacientes afetados. Lembre-se a prevenção é o melhor cuidado. Divirta-se com responsabilidade.

Cirurgia plástica: tema pele

Themen

Depois da invenção do banho quente a humanidade se livrou de uma verdadeira ducha de água fria. A ideia de encarar água gelada por parecer torturante para muitas pessoas, mas possivelmente não é para a saúde delas. Um estudo mostrou que banho frio pode trazer benefícios funcionais e estéticos. Por exemplo, nadar em uma piscina com temperatura de 15° aumenta o número de células brancas no corpo, responsáveis pelo sistema imunológico.     Outra amostra é que a água gelada ativa a gordura marrom do organismo, um tipo de gordura boa para o metabolismo e que pode auxiliar na queima de calorias. Pessoas com quadro de depressão podem se beneficiar: há indícios científicos de que o choque causado pela ducha fria pode melhorar o humor das pessoas.   A pele e os cabelos também recebem efeitos positivos. Qualquer contato com água retira óleos naturais produzidos da pele, mas a água quente faz isso mais rápido. Neste caso não é a água gelada que age sobre o corpo, mas o frio que faz a pessoa fica menos tempo no banho e retira menos óleo natural da pele. Uma ducha fria no fim do banho faz com que o cabelo feche a cutícula do fio de para baixo. Isso evita que o cabelo fique levantado e dá brilho aos fios.   Estes estudos dão indícios de que uma bela ducha fria pode ser bom para o organismo. Não espere que um banho gelado resolva seus problemas, mas da próxima vez que estiver no banho experimente ao menos terminar a limpeza do corpo com água fria. No mínimo você gastará menos água e menos energia.   Com informações da Shape (em inglês). Você pode ler alguns estudos sobre o assunto aqui e aqui. Crédito da Foto:Aadiflick via Compfight cc ...
Quer ter a pele com aparência jovem e saudável durante a meia-idade? Se a resposta é sim, você precisa considerar mais do que apenas o hidratante e a classificação FPS do seu protetor solar. É fundamental que você também pense sobre sua alimentação. O Huffington Post , recentemente compilou uma lista de alguns dos alimentos que têm sido associadas à promoção da saúde e da beleza.   Invista nos líquidos Não são apenas os alimentos que comemos que podem nos ajudar a manter a aparência jovem, mas também o que bebemos. De acordo com a fonte de notícias, romãs recentemente foram apontadas como aliadas para retardar a oxidação do DNA –  caso você esteja se perguntando, a oxidação significa, essencialmente,”desgaste”. Com todas aquelas pequenas sementes, comer romã pode ser frustrante, mas você pode facilmente obter a sua cota do fruto por meio de um copo de suco. Beber chá verde também é uma boa maneira de retardar o processo de envelhecimento. A bebida está repleta de antioxidantes, além disso, os nutrientes que ele carrega ajudam a reduzir a inflamação crônica, que desempenha um papel importante na diabetes e outras doenças.   As cores dos alimentos Se você está em pé no corredor do supermercado se sentindo confuso sobre quais alimentos você deve pegar, fique de olho nos legumes alaranjados. Cenoura, abóbora e batata-doce se enquadram nesta categoria, e sua cor não é coincidência. Eles possuem uma substância chamada alfa-caroteno, responsável pela coloração alaranjada, e benéfica para o organismo. Não se esqueça da laranja e outras frutas de cores vivas. De acordo com o Huffington Post, a vitamina C tem sido comprovada como um retardador de envelhecimento das células, ajundando-as a manter-se jovens.   É tarde demais? As notícias sobre o poder de antienvelhecimento dos alimentos pode ser frustrante para aqueles de nós que já começaram a ver sinais da idade. Pois, neste momento mesmo que você faça um estoque de chá verde, cenoura e romãs, você não será capaz de eliminar rugas e outras imperfeições da pele relacionadas a idade, sem um pouco de ajuda externa. Felizmente, o mundo da cirurgia plástica e estética tem avançado ao ponto em que é possível se livrar de linhas faciais profundas, eliminar problemas de pigmentação, manchas solares, pequenas cicatrizes faciais e outros males de pele. Fonte: ASAPS   ...
Homenagem da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Por Diego Garcia 1957 De origem libanesa, o Dr. Ricardo Baroudi formou-se na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. 1957 – 1961 Ainda na FMUSP, Dr. Baroudi foi assistente do Dr. Roberto Farina, junto com Dr. Oswaldo de Castro, Benjamin Golcman e Ewald Keppke. 1961 Fundou e chefiou o Departamento de Cirurgia Plástica da Santa Casa de Misericórdia de Campinas. 1966 Secretário Geral da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Eleito por unanimidade como Regente da recém criada SBCP Regional São Paulo. 1969 – 1973 Fundou em 1969 o Serviço de Cirurgia Plástica da Faculdade de Medicina da UNICAMP, chefiando-o até 1973. 1970 – 1971 10º Presidente eleito da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. 1978 – 1979 Eleito novamente presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. 1978 – 2014 Membro do Conselho Deliberativo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. 1979 Organizador regional do 5º Congresso da ISAPS no Rio de Janeiro 1996 – 1997 Presidente da Internacional Society of Aesthetic Plastic Surgery – ISAPS 2009-2014 Editor da Revista Brasileira de Cirurgia Plástica 2010 Organizou o 1° Congresso Mundial de Cirurgiões Plásticos Descendentes de Libaneses em Beirute – Líbano. 2013-2014 Editor Chefe IPRAS Newsletter 15 Dedicados a Cirurgia Reconstrutiva 36 Dedicados a Cirurgia Estética 51 De atividade na Cirurgia Plástica 140 Contribuições em publicações ...